Muralha falha duas vezes, Santos vence o Fla e vai à fase de grupos da Libertadores

Num péssimo dia de Alex Muralha, o Flamengo foi derrotado pelo Santos, por 2 a 1, na noite deste domingo, na Ilha do Urubu. O Peixe começou perdendo, mas conseguiu a virada graças a duas falhas do goleiro rubro-negro. Com o resultado, o time do técnico Elano garantiu classificação para a fase de grupos da Libertadores, agora na terceira colocação, com 62 pontos. Já a equipe carioca se complicou para voltar ao torneio por meio da competição nacional, com 53 pontos, ainda na sexta posição.

O Flamengo tomou a iniciativa de partir para o ataque logo nos minutos iniciais e abriu o placar aos seis, após uma cobrança de escanteio. A zaga do Santos se atrapalhou ao tentar cortar a bola, mas Paquetá não vacilou e cabeceou para o fundo da rede.

O Santos empatou pouco depois. Aos dez minutos, Muralha cometeu uma falha gravíssima ao tentar cortar Ricardo Oliveira e foi desarmado. O atacante santista roubou a bola e cruzou rasteiro para Bruno Henrique completar para o gol. A torcida ficou revoltada e hostilizou o goleiro rubro-negro, que não conta com a confiança da galera há muito tempo.

O erro de Muralha mudou a cara do jogo. O Flamengo passou a errar mais, pressionado pela torcida, enquanto o Peixe começou a ocupar mais o campo de defesa do Rubro-Negro. Paquetá seguiu incomodando a defesa santista, mas Bruno Henrique também dava muito trabalho, do outro lado, pressionando os jogadores do Fla.

Nos minutos finais do primeiro tempo, os donos da cara arriscaram alguns chutes de fora da área. O Santos reclamou muito de uma falta em Ricardo Oliveira numa jogada perigosa. Em resumo, a primeira etapa foi bem movimentada e ficou marcada pelo erro bisonho de Muralha.

SEGUNDO TEMPO

O Flamengo voltou pressionando no início do segundo tempo, mas não conseguiu criar muitas jogadas de perigo. Numa das melhores chances, Diego cobrou uma falta por cima do gol de Vanderlei. Do outro lado, o Santos parecia satisfeito com o resultado e chegava muito pouco, jogando somente com investidas em velocidade com Bruno Henrique. Rafael Vaz acertou a trave do Fla ao tentar cortar um cruzamento, foi por pouco.

Mesmo sem pressionar, o Santos virou o jogo em mais uma falha de Muralha. Aos 28 minutos, Arthur Gomes, que entrou no segundo tempo, finalizou forte da esquerda. O goleiro do Flamengo tocou na bola, mas ela morreu no fundo da gol.

A torcida foi à loucura com mais um erro de Muralha. Rueda, então, lançou os meninos Vinicius Júnior e Lincoln, de 17 e 16 anos, respectivamente. O Fla foi com tudo para cima, mas faltou capricho. O Santos se segurou como pôde e garantiu a vitória fora de casa.

FICHA TÉCNICA:

FLAMENGO 1 X 2 SANTOS

Local: Ilha do Urubu, Rio de Janeiro (RJ)
Data/horário: 26/11/2017 – 19h
Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC)
Assistentes: Kleber Lucio Gil (SC) e Carlos Berkenbrock (SC)
Cartões amarelos: Ricardo Oliveira, Matheus Oliveira, Jean Mota, Alison (SAN); Diego, Vizeu, Réver (FLA)
Público e renda: 13.798 pagantes / 15.456 presentes / R$ 288.073,00
Gols: Paquetá, 6’/1°T (1-0), Bruno Henrique, 10’/1°T (1-1); Arthur Gomes, 28’/2°T (1-2)

FLAMENGO: Muralha, Rodinei, Réver, Vaz e Renê; Cuéllar, Arão (Vinicius Júnior, 29’/2°T) e Diego (Geuvânio, 39’/2°T); Everton Ribeiro, Paquetá e Vizeu (Lincoln, 34’/2°T). Técnico: Reinaldo Rueda.

SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Luis Felipe, Noguera e Jean Mota; Alison, Renato e Vecchio (Kayke, 41’/2°T); Bruno Henrique (Matheus Jesus, 34’/2°T), Copete (Arthur Gomes, 22’/2°T) e Ricardo Oliveira. Técnico: Elano.

 

Fonte:lance.com.br

Deixe Sua Opinião - Comente Abaixo :