Após saída, Caetano fala sobre Zeca e revela procura de clubes por laterais do Flamengo

– Este ano os bola da vez (das críticas) foram os laterais. A cada ano alguns eram rotulados. Este ano foram outros… Se avaliar no futebol brasileiro, você tem vários laterais jogando ali adaptados. Ou zagueiro ou meio de campo e assim vai – disse o ex-dirigente rubro-negro ao GloboEsporte.com.

Questionado sobre alguns bons nomes de laterais que estavam disponíveis no “mercado da bola”, Caetano citou o interesse em Zeca, do Santos.

– Não vou falar em nomes, mas pergunto: se a gente traz jogadores consagrados, afirmados, e já existe essa contestação toda, imagina se o Flamengo traz determinada aposta? Esse seria o melhor movimento? Por isso que a gente entendeu que entre os laterais que tinham disponíveis o Zeca era o nome acima da média. E a ideia não era trazer o Zeca e tirar um dos que o Flamengo tem. A ideia era agregar mais uma opção, porque também era ambidestro.

O ex-diretor também revelou consultas pelos atuais laterais do Fla.

– Todos dias existiam consultas por nossos laterais, todos eles. O Renê, antes de contratarmos, vários clubes queriam. O Trauco vai jogar uma Copa do Mundo. Nossos laterais estão na média de outras equipes no Brasil. Alternaram bons e maus momentos. Concluímos no Flamengo que, se for para fazer aposta, é melhor apostar nos garotos da base.

Após a saída de Rodrigo Caetano, o Fla apresentou seu novo diretor executivo de futebol, Carlos Noval. O dirigente fez questão de elogiar o elenco atual, mas não descartou buscar reforços.

 

Fonte:torcedores.com

Deixe Sua Opinião - Comente Abaixo :